Por que usar VPN

Entenda por que usar VPN em seus dispositivos de acesso à internet.

Todo mundo conhece pelo menos um caso, próximo ou não, de alguém que sofreu ataques online. Os incidentes vão desde o roubo de dados bancários até o vazamento de fotos íntimas.

As consequências são graves e muitas vezes irreversíveis. Imagine ter a sua conversa privada divulgada na internet, publicamente. Prejuízos financeiros e morais podem ser – e são – gerados.

Por isso as pessoas estão começando a tomar mais cuidado com os dados que compartilham online. Cuidamos dos nossos dados bancários, evitamos compartilhar fotos comprometedoras – selecionamos mais com quem vamos nos comunicar.

No entanto, isso não é o bastante. O simples fato de acessarmos sites, aplicativos e plataformas a partir de uma rede pública já gera riscos. Quando menos esperamos, podem ser os nossos dados e nossa vida privada espalhados pela internet.

Navegação online segura: a solução oferecida pelo VPN

Os perigos de usar a internet sem VPN (Rede Virtual Privada) oferece a solução. Uma medida simples, mas poderosa, para proteger sua navegação online. A proteção necessária para usar computadores, celulares, tablets e outros dispositivos sem deixar a retaguarda baixa.

Mas será que vale a pena usar um aplicativo VPN? Muitas vezes nos sentimos protegidos pelo simples fato de não estarmos vendo o perigo. É assim na internet, o perigo existem, mas quase nunca podemos ver.

Separamos uma lista com os principais riscos que as pessoas, incluindo você, correm quando deixam de usar um VPN no dia a dia.

Vazamento de fotos e conversas íntimas

Mandar e receber fotos íntimas se tornou algo completamente normal na modernidade. Jovens e adultos se comunicam e se relacionam na internet, compartilham textos, áudios e, não raras vezes, fotos comprometedoras.

O grande problema é que, quando alguém envia ou recebe fotos e conteúdos íntimos, a intenção é de que essas informações fiquem entre as partes.

Afinal de contas, temos famílias, vida profissional e vida social, que podem ser comprometidos por fotos enviadas e recebidas. Mas não estamos falando de relações entre quatro paredes, mas sim de contatos íntimos na internet.

Sem um servidor VPN oferecendo proteção, vazamentos podem acontecer. E, de fato, acontecem a todo o momento.

Mulheres e homens são expostos, humilhados e denegridos em sua moral, por ações maliciosas de terceiros. Uma única foto vazada pode comprometer uma vida inteira.

Dados bancários

Os bancos físicos estão perdendo espaço para as agências digitais. Mais da metade das transações financeiras realizadas no país já são feitas a partir de dispositivos móveis.

Mas será que é realmente seguro movimentar dinheiro, pagar contas e fazer investimentos através da internet? A resposta é depende.

Quando preenchemos um formulário de login com nossos dados bancários, por exemplo, como número do cartão, essa informação pode ser interceptada. Pessoas e programas podem usar esses dados para fazer empréstimos ilegais, abrir contas e muito mais.

O número de fraudes com cartão de crédito clonados tem aumentado. No Brasil, são 3,6 fraudes por minuto na internet. Não parece nada seguro, não é mesmo? No entanto, esse não é um motivo para desespero.

Com medidas simples de segurança é possível garantir transações e acessos blindados. Mas é preciso mais do que apenas mudar a senha da conta.

Pesquisas no Google e acesso a sites

Sabia que tudo que você procura no Google é usado por empresas para a venda de produtos e serviços personalizados? Faça um teste, pesquise por “comprar carro novo”. Em pouco tempo você começará a ver anúncios de carros em todos os lugares.

Apesar de ser um pouco assustador, esse uso de informações ainda é considerado leve. Muitas vezes estamos mesmo querendo comprar um carro e a publicidade nos ajuda a encontrar opções.

Porém, esses dados são usados não apenas por empresas de publicidade. Governos e empresas privadas vigiam os acessos de usuários comuns na internet.

Eles sabem quem está buscando por materiais utilizados na confecção de explosivos. Mas também sabem quando você acessa sites pornográficos. 

Com acesso ao seu IP (número que identifica um computador na internet) e ao seu endereço, qualquer pessoa com mínimos conhecimentos pode te rastrear. Podem saber quem você é, quantos anos tem e muito mais, acessando seus dados sem que você perceba.

Em uma navegação comum na internet, a partir de uma rede pública, a intimidade basicamente não existe. Uma pessoa pode acessar sites adultos sem que a sua companheira descubra, mas sem tomar medidas de segurança, terceiros vão ficar sabendo.

O caso The Intercept Brasil: a vaza jato e a falta de segurança online

Um dos melhores exemplos de como um VPN faz falta é a Vaza Jato. Em uma série de matérias, o portal online The Intercept Brasil revelou mensagens trocadas entre autoridades públicas.

Deltan Dallagnol e Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, foram alguns dos prejudicados por ataques hacker. As conversas entre eles, trocadas pelo aplicativo Telegram, um dos mais seguros do mundo, caíram nas mãos de terceiros e agora são públicas.

Isso fez surgir uma grande preocupação no país: como manter conversas de trabalho, conversas familiares, conversas amoras e outras conversas em privado. Se até mesmo ministros e procuradores foram vítimas de vazamentos, o que pode acontecer com o cidadão comum?

Conforme análise de especialistas, algumas medidas poderiam ter sido tomadas para evitar o vazamento de diálogos. Uma das mais eficientes seria a utilização de um servidor VPN.

Usar VPN evita vazamentos, espionagem e violação da intimidade

O VPN cria um canal de comunicação entre dispositivos, incluindo celulares, que não pode ser interceptado. Dessa forma os dados e mensagens são trocadas sem a possibilidade de que terceiros se apropriem ilegalmente dessas informações.

Além disso, os usuários em redes protegidas podem acessar sites restritos, mudar a localização – usando uma localização falsa –, esconder o endereço de IP e muito mais. Uma estratégia simples para navegar na internet sem correr o risco de ser atacado.

A sua navegação na internet está segura? Essa é a pergunta que os usuários de celulares, computadores, tablets e outros dispositivos devem se fazer constantemente. Se a resposta for negativa, está na hora de proteger a sua conexão com um VPN.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.